A empresária Maria Cláudia Campos conta como decidiu criar uma confecção de lenços para mulheres em tratamento quimioterápico

 

Maria Cláudia Campos, apesar de ter iniciado duas faculdades, era uma pessoa dedicada ao marido e aos filhos até ter o diagnóstico de câncer de mama, o que mudou radicalmente a sua vida, levando-a a idealizar e montar a Estação Outono, uma confecção de lenços e turbantes, orientada principalmente para mulheres em tratamento quimioterápico ou que sofrem de outras doenças que causam queda de cabelo.

 

A idéia surgiu pela própria necessidade de Maria Cláudia em inventar uma moda que a deixasse bonita e não menos ousada durante o tratamento quimioterápico. Em sua opinião, a peruca dava um aspecto artificial e, como não queria assumir a “careca”, resolveu adquirir lenços. Como os que haviam no mercado não aderiam à cabeça e escorregavam, decidiu criar e usar os seus próprios lenços, muito práticos e coloridos, que logo chamaram a atenção de outras pacientes na clínica onde fazia as sessões de quimioterapia. Maria Cláudia começou assim a ensinar as companheiras de quimioterapia a fazerem os seus próprios lenços e a doar os modelos que criava. Daí para a abertura da confecção Estação Outono foi um pulo.

 

A grande diferença entre os lenços da Estação Outono e os lenços comuns está no tecido. Enquanto os lenços comuns são confeccionados com tecidos que deslizam na cabeça, deixando a mesma à mostra, os da Estação Outono utilizam malhas com tecidos não escorregadios como o suplex, stretch, PV (Poliéster e Viscose em diferentes composições), as quais permanecem firmes na cabeça, dando uma total sensação de segurança.

 

Segundo Maria Cláudia, o modelo mais procurado é o turbantilho, pela praticidade de uso e também por serem de malha PV, que o torna mais leve. Numa primeira compra, as cores mais solicitadas são as básicas, preto e bege, talvez pela própria dificuldade da mulher em gerenciar todas as fases que passa a viver repentinamente, ou seja, o diagnóstico, a cirurgia, o tratamento, e a repentina alteração no visual. Mas, com o tempo, essas mesmas mulheres passam a assumir essa fase de tratamento de uma forma mais desprendida, partindo então para a aquisição de modelos mais chamativos e com cores vibrantes. Essa mudança também é notada não só pela cor, mas também pela aquisição do número de lenços.  Se numa primeira compra via internet a solicitação é de um ou dois modelos, logo em seguida a encomenda é bem maior: “ a cliente quer variar, combinar melhor as roupas com os lenços, e de uma forma mais alegre”, diz a empresária.

 

Além de visitar periodicamente consultórios médicos e clínicas especializadas e de distribuir seus folders de divulgação via correios, a Estação Outono possui uma loja em Presidente Prudente (SP) e também vende online, no site Estação Outono.

Loja: Estação Outono

Av. Celestino José Figueiredo, 592-A - Vila Comercial

19014-270 - Presidente Prudente/SP

Tel. (18) 3916.6045

E-mail – contato@estacaooutono.com.br


Para conhecer a Maria Claudia como paciente leia sua entrevista à MAMAinfo